SENTIR (quebra-gelo)

Você já passou por um momento da sua vida, frente à uma situação, em que teve que decidir se iria persistir, permanecer firme ou se iria desistir, voltar atrás? Qual foi a sua decisão?

APRENDER

Você já imaginou se Jesus desistisse?

Antes de Jesus ser preso e crucificado, estava diante de uma situação difícil, que custaria sua própria vida. E ele, como um ser humano, sentiu vontade de desistir (Mateus 26:36-50). Mas Jesus persiste na oração e, por fim, entrega-se à vontade de Deus.

Você já teve vontade de desistir? Pensou “devo permanecer firme ou desistir e tomar outro rumo”?

É possível sim que desistir seja a melhor decisão. Mas, geralmente, é mais fácil desistir do que permanecer, resolver a situação. Mas iremos desistir porque é a coisa CERTA a se fazer ou porque é a mais FÁCIL? Nesses momentos é preciso buscar ouvir à voz de Deus, que nos dará a direção certa!

Podemos agir baseado nas nossas vontades e inclinações, tomar uma decisão e dizer “foi a vontade de Deus” ou podemos parar, buscar a Deus e falar: Pai, preciso de uma direção.

Atos 20:22-27 conta sobre o momento em que Paulo, direcionado pelo Espírito Santo, deseja ir para Jerusalém. Era muito difícil ser cristão naquela época, o apóstolo sabia que a viagem poderia custar sua própria vida e traria sofrimento, até mesmo recebeu uma promessa que certificava o sofrimento que passaria (Atos 21:10). Mas sua declaração é: “Por que todo esse choro? Assim vocês me partem o coração! Estou pronto não apenas para ser preso em Jerusalém, mas para morrer pelo Senhor Jesus”. Atos 21:13

Paulo tinha convicção de qual era a direção divina para aquela situação, por isso, mesmo frente à dificuldade, ele não muda de ideia, não desiste. Será que nós, no lugar de Paulo, mudaríamos de ideia?

Aguentar firme nunca será fácil! Mas é preciso tomar uma decisão. Jesus nos ensinou uma coisa muito importante: Permaneçam em mim, e eu permanecerei em vocês. Nenhum ramo pode dar fruto por si mesmo, se não permanecer na videira. Vocês também não podem dar fruto, se não permanecerem em mim.”João 15:4

Quem permanece firme em Jesus, como Paulo, encontra o segredo da vida – tanto para obter êxito na própria vida, quanto para abençoar a outros! A pessoa que permanece em Jesus recebe também a permanência de Jesus em sua vida!

Quanto mais Deus deseja usar você, maior a probabilidade de você se sentir tentado a desistir.” Graig Groeshel

Quanto mais fé, mais coragem você precisa ter, mais poder de Deus você experimentará. Mas seremos tentados a desistir, a repensar, a abandonar. Temos pensado mais em ir, avançar ou em abandonar, voltar atrás? O que mais sai da nossa boca?

REFLETIR

O nosso inimigo só tem interesse em que desistamos. Como, então, decidir quando estamos diante de uma encruzilhada na vida?

Vejamos o exemplo de Rute. Rute e Orfa eram noras de Noemi, que perdeu o marido e os dois filhos. Assim, Rute, Orfa Noemi ficam viúvas, o que significava uma situação terrível – as mulheres não trabalhavam, não tinham direitos, dependiam dos homens para viver. Então Noemi recomenda que suas noras voltem para a casa de seus pais, essa era uma situação correta, certa de se fazer. Orfa volta à casa de seus pais e Rute permanece, fica com Noemi, decide cuidar e viver com ela.

Rute não escolheu a escolha que mais favorecia ela, pelo contrário, seria uma vida muito difícil e incerta. Agora, ela e sua sogra teriam que agora viver catando o resto da colheita. Se os trabalhadores da colheita deixassem alguma coisa para trás, Rute teria grãos que ela e Noemi poderiam utilizar para fazer pão. Mas, se os trabalhadores fossem muito meticulosos na colheita, ela poderia voltar para casa de mãos vazias e as duas passariam fome.

Um dia, o rico proprietário dos campos visitados por Rute, Boaz, a viu e se compadeceu dela, deu-lhe permissão para recolher grãos em sua terra e até para beber do poço quando estivesse com sede. A atitude e a humildade de Rute impactou Boaz e ele liberou uma grande benção sobre a vida dela: Que o SENHOR, o Deus de Israel, sob cujas asas você veio se refugiar, a recompense ricamente pelo que você fez.” (Rute 2:12)

E porque Rute PERMANECEU FIRME, ela casou-se com Boaz, que gerou Obede. Obede teve um filho chamado Jessé. Jessé era pai de Davi, família da qual JESUS nasceu! A permanência de Rute fez com que ela entrasse na linha da descendência de Jesus Cristo!

Você nunca saberá o que Deus pode fazer se não tiver a coragem de permanecer firme!

APLICAR E ORAR (separe entre homens e mulheres)

Como saber se devemos permanecer ou se devemos mudar de direção?

  1. Seja sensível à DIREÇÃO do Espírito Santo (Atos 20:22, Gênesis 12:1, Romanos 8:14)
  2. Tenha CONVICÇÃO em meio à incerteza (Atos 20:22-24)
  3. Não se deixe dominar pelo MEDO (2 Timóteo 1:7)

Você não é do tipo de pessoa que desiste, mas sim que PERMANECE FIRME até o fim! (Hebreus 10:39)

Não desista! Não desista! Ouça hoje, o que o Espírito está lhe dizendo, que Ele deseja que você faça.

Deus não joga dados. Ele tem planos e projetos lindos para sua vida.

Essa é a palavra de Deus sobre a sua vida: “Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.” Salmos 1:3

Hoje você sabe se a decisão certa é ficar, é permanecer! Vamos ficar com Ele?

Fique onde Deus deseja e você será abençoado e próspero!

Compartilhe, se possível, as situações difíceis que tem passado, que tem pensado em desistir e que não sabe se permanece ou desiste. Ore uns pelos outros de forma direcionada, tenha um tempo de encorajar e compartilhar a recompensa da permanência em Cristo. Deus deseja que cada pessoa na célula seja encorajado e receba a palavra do Espírito Santo, para permanecer e não desistir!

Escreva um comentário

*

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Siga-nos: