SENTIR (quebra-gelo)

Você sabe o que é uma mentira? Já acreditou numa mentira e acabou tomando decisões erradas por causa disso?

(após as pessoas falarem lembre que a mentira não é a simples negação da verdade, mas uma coisa que parece verdade, tem cara de verdade, tem cheiro de verdade, contém até verdade, mas é um engano; a melhor mentira é aquela que você acredita ser verdade). 

APRENDER

Mentiras podem afetar o coração (o centro de nossa vida)

A Bíblia nos ensina que o órgão mais importante do corpo é o coração. Não apenas o coração fisicamente, mas o centro da nossa vida. Muitas coisas podem afetar o coração. Fisicamente falando, há muitos motivos que podem influenciar isso, da mesma forma, o centro da nossa vida, nosso coração, pode ser afetado pelas situações. Por isso, há um ensinamento muito importante para nós:

“Meu filho, preste atenção ao que digo; ouça bem minhas palavras. Não as perca de vista; mantenha-as no fundo do coração. Pois elas dão vida a quem as encontra e saúde a todo o corpo. Acima de todas as coisas, guarde seu coração, pois ele dirige o rumo de sua vida.” Provérbios 4:20-23 (NVT)

Elias, um grande profeta de Deus, após uma grande vitória, teve um momento difícil na vida. Ele acreditou em mentiras, mesmo sabendo do poder de Deus

Elias confronta os profetas de Baal, e Deus manda fogo céus! Faz pegar fogo num local que estava molhado, encharcado.  O povo se arrepende e diz — Só o Senhor é Deus. Os 400 profetas de Baal foram presos e mortos. Fim dos anos de seca, o povo vai prosperar novamente.

Depois dessa grande vitória poderosa, a situação fica difícil para Elias. (1 Reis 19:1 – 17). Em meio ao medo e desespero, Elias se isola no deserto, sozinho. Sua angústia era tamanha, que até mesmo pediu para morrer. Deus estava ali, sustentando-o. Enviou comida e anjos para sustentá-lo e ajudá-lo, mas, mesmo assim, ele ainda se escondeu. Mas Deus volta e mostra a Elias o que ele precisava, mostra o Pai amoroso e Deus poderoso que Ele é. 

O que aconteceu com Elias para que ele passasse por esse momento de aflição, angústia, depressão?
Ele acredita em 3 mentiras:

  1. Deus não está vendo minha situação: “Não sei o que fiz de errado! Deus me abandonou. Vou ter que me virar sozinho”.
  2. Eu não tenho saída, não há esperança: “Eu desisto e prefiro morrer. Não tem mais jeito. Não acredito que exista um futuro para mim (depressão)”.
  3. Eu estou sozinho: “Eu sou o ÚNICO que restou. Ninguém vê a situação que estou. Depois de tudo que fiz, ninguém se importa”.

E por que isso acontece? Por que passamos a acreditar em mentiras?

As vezes passamos situações difíceis demais, que demoram mais do que achamos que deveria demorar, ou uma luta contínua que esgota nossas forças físicas e emocionais. Ou temos expectativas demais em relação as pessoas, e somos frustrados. Situações se repetem em nossas vidas, e nós não procuramos ou não encontramos ajuda.

Então baixamos a guarda do coração. Nos desconectamos dos amigos, de Deus, vamos deixando a vida nos levar. Então nosso coração fica exposto e passamos a acreditar nas mentiras. Quando estamos com a guarda alta, mesmo que os golpes venham, as mentiras, os enganos, nos defendemos! As mentiras não entram e não fazem efeito em nós.

Mas é nessa hora que NÃO podemos ficar sozinhos! O inimigo nos quer ISOLADOS UNS DOS OUTROS porque assim é mais fácil plantar uma MENTIRA em nosso coração desprotegido.

O que acontece se um membro do seu corpo decidir/sentir que ele não é parte?

Ele irá perder e/ou deixar de fazer a sua função. E é isso que vivemos hoje. As pessoas se sentem desconectadas dessa família, desse corpo. Contudo, nós fomos feitos para vivermos conectados. Somos muitas partes, diferente, mas uma está conectada e depende da outra! (1 Coríntios 12:12-27)

E qual é o DNA, o código, que está em todo esse corpo (a igreja, o Corpo de Cristo)?

É o AMOR! Em cada parte do corpo tem o amor. É por isso que devemos viver conectados, para amarmos uns aos outros. Jesus deu a sua vida por nós, para que pudéssemos ser um com Ele e, assim, fazer parte do mesmo corpo e vivenciar esse amor.

REFLETIR

Estou acreditando em mentiras? Estou me isolando? Tenho guardado meu coração?

O alvo do inimigo é o nosso coração – ele quer plantar mentiras aí dentro. É no coração, onde conecta-se corpo, alma e espírito, é onde você pode guardar o que Deus diz, que traz vida e saúde! Deus se importa com o seu coração. Ele quer cuidar de você, trazer vida abundante e plena!

Nós fomos criados para viver em relacionamento, conectados uns aos outros e não sozinhos. Deus criou FILHOS e Ele deseja que os filhos sejam amigos uns dos outros. O contexto que Deus nos criou – Pai, Filho e Espírito Santo – é de família, de relacionamento profundo! (João 15:15-16). Mas, muitas vezes, essa não é a realidade que vivemos. Estamos desconectados, sós, vivendo isolados uns dos outros.

Por isso Deus criou a igreja, a FAMÍLIA de Deus! Nós fomos chamados para pertencer a uma família, não para “fazer parte ou servir num ministério”. O serviço é resultado do amor por essa família. Mas a igreja é feita para ser a família, o corpo de Cristo, onde, apesar de diferentes, somos partes do mesmo corpo, uma coisa única, que é Cristo!

Somos parte do corpo de Cristo, e o DNA deste corpo é o amor.

APLICAR E ORAR (separe entre homens e mulheres)

Como, então, vencemos as mentiras?

  1. Não lute no terreno do inimigo – A mentira, a desconexão são o terreno do inimigo. Não fique nele. Somente a palavra de Deus, que é a verdade, nos liberta. Se você ficar no terreno dos sentimentos, permanecerá enganado.
  2. Vá para a fonte das águas vivas – Vá para o Pai. Achegue-se nEle, volte para Seu braços. Deus foi atrás de Elias, da mesma forma, Ele nos procura, está com os braços abertos para nós.
  3. Conecte-se: procure ajuda! – Peça ajuda para quem é mais forte que você. Somos uma família, JUNTOS somos mais FORTES!

A igreja é um lugar de conexão. Não é para pessoas perfeitas, pelo contrário. Não abandonamos ou deixamos ninguém, ao contrário, devemos fazer tudo para nos mantermos unidos e juntos.

Somos a família de Deus, fomos chamados para estarmos conectados uns aos outros. Por isso, conecte-se, mas vá atrás daqueles que precisam também. Muitas vezes, esquecemos de procurar, de sermos intencionais em nossos relacionamentos, e a nossa geração precisa disso! Vamos buscar, vamos cuidar da nossa família.

Outras vezes ficamos só esperando que nos ajudem, ficamos com pena de nós mesmos. Vamos jogar o orgulho fora, e buscar ajuda. Temos que ter a humildade de reconhecer que precisamos uns dos outros. E não é porque alguém nos decepcionou que não vamos mais procurar ajuda.

Ore uns pelos outros. Lembre-se de declarar as verdades sobre Deus, sobre o Corpo, a família. Lembre que estamos unidos, temos uns aos outros. As pressões virão, mas há um Deus poderoso, que se revela, como fez a Elias! Depois, tenha um tempo de oração pelas outras pessoas. Sejam aquelas que se desviaram, se feriram ou as que ainda precisam conhecer a Deus. Esteja atento aqueles que precisam se conectar, pedir ajuda ou confessar algo que precisa ser curado.

Escreva um comentário

*

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Siga-nos: