SENTIR (quebra-gelo)

Compartilhe a sua experiência de batismo. Incentive outros a compartilhar também.

APRENDER

Quem eu sou agora?

O batismo nas águas é um ato profético, não é apenas um símbolo, mas significa que morremos com Cristo e fomos ressuscitados com Ele para uma nova vida.

“Pois, pelo batismo, morremos e fomos sepultados com Cristo. E, assim como ele foi ressuscitado dos mortos pelo poder glorioso do Pai, agora nós também podemos viver uma nova vida.”
Romanos 6:4

Todos nós somos filhos de Deus mediante a fé em Jesus Cristo, claro que o poder para isso não é da água em si, e não acontece no momento do batismo, a mudança verdadeira acontece nos nossos corações.

O batismo de Jesus

Quando Jesus chega até o Rio Jordão para se batizar com João Batista, duas coisas acontecem: O Espirito Santo vem sobre Ele e dos céus o Pai declara: “Este é o meu filho amado, em quem me agrado.” – Mateus 3:17.

Em todo o antigo testamento vemos a presença de Deus acompanhada de um local, uma tenda, um tabernáculo, um templo. Quando Jesus Cristo ressuscita, o véu do templo se rasga, sinalizando um novo jeito forma de Deus habitar a terra. Através de nós.

Jesus Cristo é o primeiro “Homem-templo”, caminhando pela terra e vivendo todo tipo de situação como um ser humano, mas obedecendo ao Pai e transformando a vida de muitas pessoas.

“Vocês não sabem que seu corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vocês e lhes foi dado por Deus?
Vocês não pertencem a si mesmos, pois foram comprados por alto preço. Portanto, honrem a Deus com seu corpo.”
1 Coríntios 6:19-20

Uma nova criatura carrega a presença de Deus, é um templo do Espírito Santo, é parte da igreja, o corpo de Cristo. Muitas vezes utilizamos esse termo em frases que parecem normais, como: “Eu vou até a igreja hoje!”. Mas a verdade é que nós somos a igreja. Cada um de nós carrega em si o que nos faz diferentes, o que nos une e o que nos transforma, o Espírito Santo. Nós somos santuários do Espirito Santo. Você faz parte do corpo de Cristo. Nós não vamos a igreja, nós somos igreja.

REFLETIR

Mas o que acontece quando Jesus – o homem cheio do Espírito Santo —  encontra um problema?

Jesus, o Filho de Deus, caminhava pela terra curando, ressuscitando, transformando vidas e fazendo discípulos. É isso que acontece quando uma pessoa cheia do Espirito Santo se depara com um problema: a manifestação do poder de Deus.

Essa nova realidade muda nosso modo de pensar no corpo de Cristo, muda nossa forma de olhar para a vida e para as situações que enfrentamos todos os dias.

Quando falamos de igreja não estamos falando de prédio, mas de pessoas, não se trata dos programas (cultos, eventos, acampamentos, reuniões) mas da presença de Deus, e o foco não são os problemas, mas o poder de Deus.

A igreja são pessoas cheias da presença de Deus que manifestam o poder do Espirito Santo.

Jesus Cristo também nos deixou em palavras o porque a igreja existe:

  • Obedecer ao grande mandamento

“Jesus respondeu: “‘Ame o Senhor, seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de toda a sua mente’. Este é o primeiro e o maior mandamento. 39 O segundo é igualmente importante: ‘Ame o seu próximo como a si mesmo’. Toda a lei e todas as exigências dos profetas se baseiam nesses dois mandamentos”.
Mateus 22:37-40

  • Cumprir a grande comissão

“Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.”
Mateus 28:19

Amar a Deus, amar as pessoas e fazer discípulos. Essas são atitudes de alguém que carrega o Espirito Santo. Isso é o que nós buscamos, isso é ser igreja. São estas as 3 coisas que realmente precisamos priorizar como igreja: amar a Deus, amar ao próximo e fazer discípulos.

Por isso a visão da Comunidade da Graça é “Uma igreja família, vivendo o amor de Cristo, alcançando o próximo e formando discípulos.”

APLICAR E ORAR (separe entre homens e mulheres)

“Todos vocês são filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus, pois os que em Cristo foram batizados, de Cristo se revestiram.” Gálatas 3:26-27

Para viver essa vida, como um “homem-templo”, que leva a presença de Deus por onde anda é preciso crer que Jesus Cristo é Senhor e Salvador.

Hoje, nós que temos o Espírito Santo, podemos viver como Jesus viveu – temos o mesmo Espírito, a mesma herança, e recebemos dele poder e autoridade no seu Nome para fazer as mesmas obras. Devemos esperar, diante de um problema, a manifestação do poder Dele. Isso é fé e confiança no amor do Pai.

Conduza um momento de oração de entrega, de renovação de aliança, de busca pela intimidade ao Senhor. Desafie a orar uns pelos outros.

Líder, se você tiver essa direção do Espírito Santo, faça o apelo para se alguém deseja receber Jesus como Senhor e Salvador de sua vida.

Aproveite para falar sobre o Vida Vitoriosa, explique sobre os primeiros passos na caminhada com Jesus e o desafie para participar do SIGA-ME!

Escreva um comentário

*

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Siga-nos: