SENTIR (quebra-gelo)

Para você, o que significa reconciliação?

APRENDER

Desde a criação, Deus se preocupou com o relacionamento. Sempre buscou uma relação pessoal, íntima, individual. Mas o homem e a mulher duvidaram da voz do Pai que os amava tanto. A ganância do seu coração fez com que se inclinassem somente para os seus desejos. Quando caíram em si, haviam perdido o que tinham de mais precioso no jardim: o relacionamento com Deus.

A queda foi dolorosa, algo que trouxe muitas dores e dúvidas ao coração humano. Trouxe divisão, inimizade, morte, vingança e toda sorte de situações que afastam os relacionamentos. Mas sempre existiu uma promessa. A promessa daquele que pisaria a cabeça da serpente. A promessa daquele que, como homem, venceria o mundo e a morte, e traria reconciliação a todos.

“Portanto, visto que os filhos são pessoas de carne e sangue, Ele, Jesus, também participou dessa condição humana, para que, por sua morte, derrotasse aquele que tem o poder da morte, isto é, o Diabo, e libertasse aqueles que durante toda a vida estiveram escravizados pelo medo da morte”. Hebreus 2:14-15 NVI

Jesus nasceu, viveu e morreu por nós. Derramou Seu sangue em favor de muitos, até mesmo dos que nunca O conheceram. Foi obediente, e Sua obediência nos tornou justos. Um homem, obedeceu, sofrendo o castigo que estava sobre nós, cumprindo em Sua carne o destino que era de todos. O salário do pecado é a morte, mas Cristo Jesus morreu por nós, para que a vida que agora vivemos seja pela fé em Jesus que Se entregou por nós.

“Mas, quando chegou o tempo certo, Deus enviou seu Filho, nascido de uma mulher e sob a lei. Assim o fez para resgatar a nós que estávamos sob a lei, a fim de nos adotar como seus filhos. E, porque nós somos seus filhos, Deus enviou ao nosso coração o Espírito de seu Filho, e por meio dele clamamos: “Aba, Pai”. Agora você já não é escravo, mas filho de Deus. E, uma vez que é filho, Deus o tornou herdeiro dele.” – Gálatas 4:4-7

REFLETIR

Como filhos e filhas de Deus, agora, não somente desfrutamos de algo, mas também temos uma responsabilidade.

“De modo que, de agora em diante, a ninguém mais consideramos do ponto de vista humano. Ainda que antes tenhamos considerado Cristo dessa forma, agora já não o consideramos assim. 17 Portanto, se alguém está em Cristo, é nova criação. As coisas antigas já passaram; eis que surgiram coisas novas! 18 Tudo isso provém de Deus, que nos reconciliou consigo mesmo por meio de Cristo e nos deu o ministério da reconciliação, 19 ou seja, que Deus em Cristo estava reconciliando consigo o mundo, não levando em conta os pecados dos homens, e nos confiou a mensagem da reconciliação”. – 2 Coríntios 5:16-19 (NVI-PT)

Deus reconciliou consigo o mundo através de Jesus Cristo! Hoje não somos mais escravos do pecado por causa de Jesus! Nesse tempo de final de ano, o que precisamos é de perdão e reconciliação.

Deixar as coisas velhas para trás, ver o novo que a vida em Cristo nos oferece!

APLICAR E ORAR (separe entre homens e mulheres)

O que você precisa neste dia?

Se ainda não experimentamos total reconciliação com Deus, precisamos nos arrepender e nos reconectar – e isso só acontece através de Jesus Cristo.

Se cremos que temos relacionamento com Deus, mediante Jesus, ouvimos a Ele, somos filhos e filhas – temos convicção dessa identidade – agora é o momento de ir além: reconectar outras pessoas com Deus o nosso Pai. Temos que lembrar que há esperança, mas não somente uma esperança de uma vida melhor, mas a esperança de ouvir a Deus, nosso Pai e Criador que tem planos de paz para nos dar uma esperança e um futuro!

Qual é o desafio que você precisa receber hoje? Talvez seja Ousadia para ir e reconciliar outras pessoas, mostrando o amor de Jesus. Talvez seja a humildade de se arrepender e começar um novo ano conectado aos seus amigos, família e igreja.

Em tudo isso se lembre: Os relacionamentos são importantes para Deus. Ele não quer que ninguém ande só. Por isso precisamos fazer parte da Família de Deus, e convidar outros para que conheçam esse amor através do que Ele fez em nossa vida.

Líder: Encoraje sua célula a orar por arrependimento e buscar a convicção da reconciliação com Deus, para que a nossa comunidade experimente o mover sobrenatural do Espirito Santo, assim como a igreja de atos. É momento de orarmos com ousadia firmando ou reafirmando nosso compromisso com o Senhor. Ore por ousadia para irmos além e cumprirmos o ministério que Jesus nos deixou, o da reconciliação!

Siga-nos: